Ana Beatriz Correa

Natural de Sorocaba (SP), atua na posição central. Sua paixão por esportes começou na infância. Incentivada por seus pais, praticou várias modalidades até optar pelo vôlei. Em sua carreira, a jogadora teve várias passagens pela Seleção de base até chegar na Seleção Adulta, em 2017.

2006

Aos 14 anos, foi convidada para jogar no Finasa/Osasco e com 15 anos se mudou para São Paulo. No começo não foi fácil ficar longe da família, mas a atleta conseguiu se acostumar.

2007

Ana Beatriz jogava na categoria mirim do Finasa Bradesco quando foi convocada para a Seleção Brasileira, na categoria infantojuvenil. No Campeonato Mundial, foi uma das melhores bloqueadoras.

2008

Em 2008, representou a Seleção Brasileira na conquista do Campeonato Sul-Americano nas categorias Infantojuvenil e Juvenil.

2009

No ano seguinte, ajudou a Seleção a vencer o Campeonato Mundial Infantojuvenil, sendo premiada como a melhor bloqueadora. Disputou a mesma competição na categoria Juvenil, e conquistou bronze.

2010

Com suas boas atuações, Ana Beatriz continuou sendo convocada para a Seleção.  Em 2010 conquistou medalha de ouro no Campeonato Sul-Americano Juvenil.

2011/2012

Em 2011 ficou entre as melhores bloqueadoras no Campeonato Mundial, em que a Seleção terminou com a prata.

No mesmo ano, defendeu a equipe do Osasco na conquista do ouro no Campeonato Sul-americano de Clubes. No mesmo ano foi vice-campeã paulista e conquistou a Superliga 2011/2012.

2013/2014

Na temporada seguinte, Ana Beatriz foi contratada pelo Sesi-SP. Conquistou o bronze no Campeonato Paulista. Em 2013/2014 foi vice-campeã do Paulista, faturou o Campeonato Sul-Americano de Clubes de 2014 e novamente foi uma das melhores bloqueadoras do Campeonato Mundial de Clubes, conquistando medalha de bronze. Além disso, ficou em segundo lugar na Superliga 2013/2014.

2015

Defendendo as cores do Sesi-Sp pela terceira temporada, Ana Beatriz faturou o bronze na Superliga 2014/2015. Na temporada seguinte, foi vice-campeã do Campeonato Paulista.

2016/2017

Em 2016, foi contratada pelo Vôlei Nestlé, logo conquistou o Campeonato Paulista e foi vice-campeã na Superliga. Ana Beatriz foi convocada para a Seleção, e ajudou a equipe a vencer o Grand Prix 2017, sendo premiada como a melhor central. Com sua atuação de destaque, disputou o Sul-Americano, conquistando mais um título com o Brasil. Já na Copa dos Campeões, a equipe foi prata.